Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Com as festividades do final de ano nos deparamos com uma realidade não muito agradável no Brasil. São principalmente nestas datas que aumentam os índices de acidentes de diversas origens como os acidentes de carros, os traumas com vítimas, as queimaduras por fogos de artifícios, as agressões físicas por arma de fogo ou por arma branca, dentre outros.

São nestes momentos que o primeiro atendimento de saúde tem como finalidade preservar a vida, promover a recuperação ou prevenir que a vítima piore. Desta forma, uma atenção rápida e imediata a uma pessoa que está em perigo é fundamental para manter as suas funções vitais e evitar um quadro final mortal.

Um dos serviços mais conhecidos pela população, e que desempenha um importante papel para a sociedade nestes tipos de casos, é o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU. Hoje é simples pegar o telefone e discar o número 192 solicitando atendimento quando precisamos ou, quando presenciamos qualquer tipo de acontecimento que necessite atendimento de saúde profissional.



Mas será que ao acionarmos este atendimento o estamos solicitando de forma correta? Nesta edição apresentaremos como funciona o SAMU e na próxima semana, encerraremos este tema trazendo aos nossos leitores dados deste importante trabalho realizado no município de Alvorada.

O SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência é um serviço de saúde desenvolvido pelo Ministério da Saúde em parceria com as Secretarias estaduais e municipais de saúde. Tem como principal objetivo chegar o mais rápido possível à vítima após ter ocorrido alguma situação de urgência ou emergência. Estes casos podem ser de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, entre outras, que possam levar ao sofrimento, a sequelas ou até mesmo à morte.

Ao ligar para o número 192 você estará ligando para uma Central de Regulação de Emergências Médicas que conta com profissionais de saúde e médicos treinados para dar orientações de primeiros socorros por telefone, através de telemedicina.

Algumas pessoas, ao discar para o 192, acreditam estar ligando para o local aonde estão as ambulâncias, o que no caso de Alvorada, está errado. Normalmente quem trabalha na regulação não conhece a cidade e são estes profissionais que definem o tipo de atendimento, a ambulância e a equipe adequada para cada caso. Por este motivo que a equipe da regulação faz diversas perguntas durante a ligação. Isso faz com que qualifique o atendimento e as informações coletadas contribuam para que o atendimento final de cada situação seja o mais satisfatório possível.

Há situações em que apenas a orientação por telefone resolve a necessidade do solicitante. Em outras, a intervenção da equipe que reúne médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e condutores socorristas, se faz necessária para a solução do chamado. O SAMU atende pacientes na residência, no local de trabalho, em via pública, ou seja, através do telefone 192 o atendimento chega ao usuário onde quer que ele esteja. A equipe presta atendimento já no local ainda fora do ambiente hospitalar, salvando vidas e diminuindo a possibilidade de sequelas. O programa oferece o direcionamento do atendimento para o serviço de estabilização mais próximo e adequado para cada situação do paciente.

Em hipótese alguma passe trotes, pois TODAS as ligações são gravadas e vidas podem ser perdidas ao ocupar o telefone 192 de forma inadequada. O SAMU não é um veículo de remoção para dar carona até o hospital. Cumpra o seu dever de cidadão e utilize este atendimento com responsabilidade. Ligue para o SAMU somente se estiver diante de uma situação de urgência ou emergência. Este serviço é gratuito e funciona 24 horas.

Em nossa próxima edição falaremos de como funciona o SAMU de Alvorada, quais são as condições de trabalho, quantos atendimentos são executados, quais os desafios dos profissionais que exercem esta função e como a população da cidade usa este precioso serviço.

Até a semana que vem, e um FELIZ NATAL a todos!

Fonte: portalsaude.saude.gov.br e www.saude.rs.gov.br

 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários