O calor que não dá trégua na Região Sul do país já proporciona números positivos ao comércio varejista. A venda de aparelhos de ar-condicionado, por exemplo, aumentou 25%.

O dado foi divulgado pela Associação Sul Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Aquecimento e Ventilação (Asbrav).

Entre os modelos comercializados, os equipamentos de janela correspondem a 16% do mercado, enquanto os splits são responsáveis por 86% da preferência dos consumidores.

A pesquisa analisa dezembro, janeiro e as expectativas de fevereiro de 2014, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Alta procura em Alvorada
Levantamento feito pelo O Alvoradense indica que pelo menos duas lojas da cidade estão com seus estoques de aparelhos de refrigeração completamente esgotados.

A previsão de renovação do estoque da loja Taqui, no bairro Bela Vista, por exemplo, é apenas para o dia 22 de fevereiro. Até lá a loja não conta com estoque disponível de aparelhos de ar-condicionado.

A Colombo, Magazine Luiza e Manlec, no Centro, também não possuem aparelhos na pronta entrega e a média de espera é de 15 a 20 dias nas lojas Colombo e Magazine Luiza, e pode chegar a 30 na Manlec. 

A compra dos aparelhos, no entanto, não significa alívio imediato ao consumidor, já que a espera pela instalação está demorando, em média, de 15 e 20 dias em Alvorada.

Fonte: O Alvoradense