Foto: Arquivo / OA

Iniciado em São Leopoldo, pela presidente da Câmara Municipal, vereadora Ana Affonso (PT), o Movimento “Vacina Já” chegou a diversos municípios gaúchos. Na noite de quinta-feira (11) representantes de entidades alvoradenses, sociedade civil e partidos políticos de esquerda realizaram uma reunião pública virtual com o objetivo de mobilizar a comunidade para garantir vacinas e consequente imunização à população.

O objetivo é pressionar os governos do Estado e Federal para obter medidas mais rígidas no enfrentamento à pandemia, “com destaque para a exigência de lockdown nos próximos dias, renda básica aos trabalhadores e compra de vacinas”, além de mobilizar e envolver as pessoas, promovendo um processo educativo de conscientização da gravidade do vírus e da importância do processo de vacinação.

Foram duas horas de reunião, que encerrou com a eleição da coordenação municipal e com o convite aos que queiram aderir ao movimento, entrem na mobilização.

A reunião contou com a presença do prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi (PT); da ex-prefeita de Alvorada e ex-deputada Estadual Stela Farias (PT); da vice presidente da Câmara Municipal, vereadora Giovana Thiago (PT); representantes de entidades como a União das Associações dos Moradores de Alvorada (Uama), presidente Vera Costa; Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Alvorada (Sima), diretora Jaqueline Esteves; União Gaúcha dos Estudantes (Uges), secretário Lincon Fonseca; Diaconia São José Operário, coordenadora Elizabeth Cardoso; CTG Chilena de Prata, Vânia; Associação Amigos da Praça, presidente Jo Antoni; PT, presidente em exercício Josi Arruda; PCB, secretário Geral Rafael Mello, e PCdoB, Alex Martins, além de profissionais da saúde, representantes da segurança, educação, assistência social e da cultura.

- PUBLICIDADE -