Vacina dura enquanto durarem os estoques nos postos da cidade | Foto: CSS  / Divulgação / OA
Cerca de 35% dos trabalhadores em saúde se vacinaram até o momento em Alvorada | Foto: CSS / Divulgação / OA

A Campanha de Vacinação Contra a Gripe está encerrada e não atingiu a meta em Alvorada. 38,3 mil pessoas foram imunizadas – o que representa apenas 65,89% da população da cidade, quando o objetivo era chegar a 80%. Os idosos computaram 11,6 mil, o maior número de vacinados. Quase 80% das crianças também receberam a prevenção. A maior baixa foi a dos trabalhadores em saúde, os quais somente 35,86% se vacinaram.

A recomendação da Secretaria Estadual de Saúde (SES) é de que as cidades que não atingiram a meta intensifiquem a vacinação junto ao público-alvo. Segundo dados do Ministério da Saúde, ainda há 3,1 mil crianças em Alvorada que não participaram da prevenção, bem como 6,1 mil idosos, 1,5 mil gestantes e 2,4 mil trabalhadores em saúde. Em compensação, mais puérperas (mulheres que deram a luz recentemente) do que o esperado foram vacinadas – 446, de um público alvo de 413.

No Rio Grande do Sul, 79,2% das pessoas que integram os grupos prioritários receberam a prevenção. No total, foram mais de 2,6 milhões de doses. Dos 497 municípios gaúchos, 72% atingiram ou ultrapassaram a meta de vacinação. Grupo de mulheres pós-parto registrou a maior cobertura vacinal (98,7%), seguido pelos idosos (83,7%), trabalhadores de saúde (79,4%), população indígena (78,8%), crianças de seis meses a menores de cinco anos (67,1%) e gestantes (63,8%).

Fonte: O Alvoradense