Governador José ivo Sartori deve conceder entrevista coletiva nesta terça | Foto: Luiz Chaves / Palácio Piratini / OA

O governador José Ivo Sartori comentou nesta terça-feira (21) o anúncio do governo federal que deu aos estados 100% de carência no pagamento da dívida até o final de 2016. A medida representa um alívio aproximado de R$ 1,650 bilhão aos cofres do Estado, somente em 2016.

Sartori reafirmou que, com a folga no orçamento, a prioridade será o pagamento do funcionalismo e prometeu anunciar medidas na área da Segurança.

“Esta conquista está longe de representar o equilíbrio financeiro do Rio Grande do Sul. É apenas um respiro, um alívio. Não resolve os problemas da folha de pagamento, mas cria condições para avançar e não pode deixar de ser celebrada e compartilhada. Com a abertura desse espaço fiscal, além de priorizar o pagamento do funcionalismo, vamos anunciar medidas na área da Segurança”, disse o governador em entrevista coletiva no Palácio Piratini.

Sartori destacou que o Rio Grande do Sul fez história no processo de renegociação da dívida. “Desde o começo do governo venho dizendo que renegociar a dívida era a condição mínima para colocar o Estado nos trilhos. Fizemos história porque fomos os primeiros a despertar para o enfrentamento da crise”, declarou o governador.

Fonte: Correio do Povo