Mulheres de várias idades unidas na luta contra a cultura do estupro / Foto: Divulgação / OA

Cerca de 60 pessoas circularam pelo ato público Contra a Cultura do Estupro, que aconteceu em frente à Prefeitura de Alvorada nesse sábado (4).

Apesar da pouca participação, os organizadores consideraram essa primeira experiência positiva, pois contou com o apoio e presença do Cpers, Sindicato dos Servidores Públicos de Alvorada (Sima), Movimento de Mulheres Negras, alunos das escolas ocupadas e  comunidade em geral.

Foi realizada oficina de “stencil” em camisetas e atividades para crianças, sendo que o evento foi das 11h30 às 15h. Essa é a primeira atividade realizada, e a ideia é repeti-la em diferentes bairros da cidade.

Fonte: O Alvoradense