Prefeito esteve em escola com casos de alunos infectados e decretou situação de emergência | Foto: Kátia Freitas / Prefeitura de Cachoeirinha / OA
Prefeito esteve em escola com casos de alunos infectados e decretou situação de emergência | Foto: Kátia Freitas / Prefeitura de Cachoeirinha / OA

A prefeitura de Cachoeirinha decretou situação de emergência devido ao surto de meningite. Duas crianças, um menino de oito anos e uma menina de 12, morreram nesta semana por conta da doença. O decreto é válido por 30 dias.

Médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem que vão atuar em regime de plantão irão receber horas extras a partir do decreto. Uma ambulância será disponibilizada para o posto de saúde do Jardim Betânia. Segundo a prefeitura, o Ministério da Saúde enviou seis mil doses de vacina contra meningite do tipo C, que devem chegar até sábado (11). Mais profissionais serão convocados para atuar na campanha de vacinação.

A cidade de Cachoeirinha está fora de seu ritmo habitual. Além das duas mortes de crianças, há uma terceira em atendimento no Hospital Conceição, em Porto Alegre. Quatro escolas que tiveram alunos com sintomas de meningite estão fechadas. O recesso escolar foi adiantado para amanhã, e deve durar no mínimo uma semana.

Fonte: O Alvoradense