Os hábitos dos gaúchos mais uma vez devem ser definidos pelas compras de última hora. Quem garante é a Associação Gaúcha de Supermercados (Agas). Segundo a entidade, pelo menos 30% das vendas para a data ficarão concentradas nos três últimos dias – a Sexta-feira Santa, o sábado e o domingo. O setor já acredita em resultados superiores às projeções de 6% de crescimento em relação à Páscoa passada.

O feriadão vai concentrar a procura por ovos infantis, caixas de bombom, bebidas e carnes para churrasco, acredita o presidente da Agas, Antônio Cesa Longo. Hoje, em específico, estarão em evidência as vendas de pescados para as comemorações da Sexta-Feira Santa, com um crescimento de 10% a 15%.

“Quanto mais antecipadas forem as compras, maior é a chance de encontrar a marca de chocolate preferida”, aconselha Longo, indicando que algumas marcas já estão com 90% dos estoques comercializados. “Confirmando dados apontados pelo Instituto Segmento, até o momento a Páscoa é dos adultos, que encontraram o ninho do coelho antes das crianças”, descreve o supermercadista, informando que os ovos premium vêm puxando o crescimento das vendas nos últimos dias.

Desde quinta-feira até o próximo domingo, os supermercados gaúchos irão comercializar pelo menos 5 milhões de caixas de bombons, eleitas tradicionalmente o presente preferido de última hora. Somente com a venda de 8,9 milhões de ovos de chocolate, a Páscoa 2012 deverá agregar um faturamento de R$ 84,8 milhões para o setor supermercadista gaúcho.

 

Fonte: O Alvoradense