Acampamento Farroupilha já está com tudo pronto em Alvorada | Foto: Jonathas Costa
Acampamento Farroupilha já está com tudo pronto em Alvorada | Foto: Jonathas Costa

O Acampamento Farroupilha de Alvorada, montado na Praça Central João Goulart, iniciou suas atividades oficialmente nesta segunda-feira (7), com a chegada da Chama Crioula, que está sendo conduzida do Chuí por 25 cavaleiros alvoradenses que saíram daqui em 20 de agosto. A busca da Chama já é tradição entre os cavalarianos e vem crescendo a cada ano.

Apesar da expectativa para a abertura “das porteiras” do Acampamento, o lançamento dos Festejos Farroupilhas em Alvorada começou bem antes, em 14 de agosto, durante jantar-baile, realizado no CTG Sentinelas do Pago. Desde lá, atividades seguem envolvendo as 50 entidades tradicionalistas do município – nove CTGs e 41 piquetes.

• ASSINE: Receba a edição impressa do jornal O Alvoradense em casa

As Rondas Crioulas, que novamente acontecem na Praça Central, iniciaram nesta terça (8). A cada noite três entidades ficam responsáveis pelas apresentações artísticas, com danças, música e declamações.

No Acampamento Farroupilha, além dos galpões, há praça e alimentação, comércio de produtos nativistas e artesanato. Também espaço para montaria e tablado em frente ao palco principal para as apresentações e ao público que queira dançar.

• PROGRAMAÇÃO: Confira as atrações do Acampamento Farroupilha
• FOTOS: Acampamento Farroupilha recebe grande público

Cinquentenário
No aniversário dos 50 anos de Alvorada, 17/9, o dia inicia com Missa Crioula às 10h, “mateada” às 14h, e homenagem dos CTG’s a Alvorada à tarde. A partir das 19h, show do grupo Pealo Campeiro e Cezar Oliveira e Rogério Mello. As atividades se encerram em 20/9, dia em que se comemora a Revolução Farroupilha, com o Desfile Temático, às 14h.

‘Tudo deve ficar pronto a tempo’
A Praça Central está preparada para receber a comunidade e comemorar os festejos Farroupilhas. Os galpões estão erguidos e os detalhes finais, como instalação de água e luz, foram concluídos na segunda-feira (7), quando chegou a Chama Crioula vinda do Chuí.

A expectativa da subcoordenadora de Alvorada da 1ª Região Tradicionalista, Marta Beyer, é que tudo ocorra conforme o previsto. “Temos a programação completa, mas não fechada. Podendo incluir outras atrações conforme vão surgindo”, pondera.

Chimarródromo recebeu reparos e fornecimento de água foi normalizado | Foto: Jonathas Costa
Chimarródromo recebeu reparos e fornecimento de água foi normalizado | Foto: Jonathas Costa

Chimarródromo
Durante o final de semana ainda será concluída a manutenção do Chimarródromo, com a pintura soluço do problema de abastecimento de água, com reparos da Corsan. Também o aquecedor da chaleira foi substituído, sendo reativado no final de semana.

Desfile ocorre no dia 20/9
Ao contrário do que acontece em outras regiões do Estado, onde os desfiles com cavalos foram suspensos devido à ameaça do Mormo, em Alvorada os nove Centros de Tradição Gaúcha (CTGs) e 41 piquetes estarão na avenida Presidente Getúlio Vargas na tarde de 20/9. Os CTGs farão o desfile temático sobre “Campeirismo Gaúcho e sua importância social e cultural”, enquanto que os piquetes participam com seus cavaleiros.

No mesmo dia acontecem as atividades de encerramento do Acampamento. O Fandango Oficial vai ocorrer no dia 27, no CTG Campeiros do Sul.

Mormo
É uma doença infectocontagiosa que nos cavalos provoca febra, problemas pulmonares, nódulos no couro e secreção nasal. Pode ser transmitida a humanos. Não há vacina ou cura.

Fonte: O Alvoradense