O comércio de Alvorada está otimista com as vendas de final de ano. Segundo pesquisa realizada com dirigentes de 130 entidades membras de associações de varejo (CDL’s, ACI’s, Sindilojas e a Acial), a expectativa é de crescimento de 8% no consumo em relação ao ano anterior.

O estudo mostrou o otimismo do mercado para o período, considerando que, além de as festas de final de ano favorecerem o crescimento das vendas, o poder de compra e a autoestima das pessoas estão em alta.

De acordo com os resultados obtidos no levantamento da expectativa dos empresários, a preferência dos consumidores deverá se concentrar entre vestuário (58,82%), notebooks, tablets e smartphones (44,12%), brinquedos (41,18%), eletroeletrônicos (35,29%), perfumes e cosméticos (26,47%) e óculos, joias, relógios (14,71%). Nas sete regiões avaliadas, o valor médio dos presentes deverá ficar entre R$ 100 e R$ 150 para 44,86% dos entrevistados, sendo que 50% dos entrevistados projetam o financiamento das compras entre 6 a 9 parcelas.

Na avaliação do presidente da Acial, Maurício Cardoso, o comércio de Alvorada seguirá essa tendência de consumo. “Segundo os economistas, estamos vivenciando no varejo um cenário de crescimento em cerca de 8% em relação ao ano anterior”, diz Cardoso. “Um maior poder de compra por parte dos clientes, pela melhora de sua renda, e também uma maior utilização do cartão de crédito são fatores que facilitam bastante a compra. Além disso, muitas pessoas aproveitam o décimo terceiro para colocar suas finanças em dia, recuperam seu crédito junto aos estabelecimentos comerciais, podendo com isso fazer suas compras natalinas”, completa.

Fonte: O Alvoradense