Página da Prefeitura agora consta inscrições da gestão anterior | Foto: Reprodução / OA

Apesar do discurso afinado entre Serginho e Appolo na cerimônia de posse, que demonstrou apoio e companheirismo entre as duas gestões durante o processo de transição, a conta oficial da Prefeitura no Facebook não teve os senhas repassadas para a nova equipe da comunicação do governo Appolo.

A conta foi criada no início de 2013, no início da gestão Serginho. Antes disso, como a rede social não recebia a importância que recebe hoje nos planos de comunicação, não havia conta oficial da Prefeitura.

A antiga equipe da Coordenadoria de Comunicação Social (CCS), responsável pela assessoria de imprensa do órgão, decidiu não repassar os dados. A pedido da atual equipe da área de comunicação, o termo “Prefeitura de Alvorada” foi retirado da antiga página, que agora está intitulada “Alvorada – Gestão 2013-2016”.  A página possui, atualmente, 10.783 curtidas.

Para o responsável pela comunicação no governo anterior, Charles Scholl, não há qualquer problema na descontinuidade da página entre os dois governos. “O perfil da Prefeitura de Alvorada está aberto e não estamos utilizando esse nome. Outros governos tomaram decisões distintas pelo uso das redes, mas não se trata de uma regra. O nome está liberado e o atual perfil faz menção a gestão”.

Já o atual responsável, Fábio Medeiros, lamenta a atitude, mas afirma que já criaram uma nova conta. “Nós entramos em contato com a assessoria do governo anterior que nos passou que a página se tratava mais de uso pessoal do ex-prefeito. Claro que nós gostaríamos de manter, em função de ter mais de 10 mil seguidores, mas, dessa forma, optamos por fazer um novo perfil no Facebook, até para manter a relação republicana”, avalia.

Oficialmente não houve nenhum estranhamento entre as duas gestões sobre o não repasse da conta. A medida, contudo, contrasta com outros exemplos, alguns deles em ambientes de transição bem mais tensos.

É o caso de Porto Alegre, onde às vésperas de tomar posse Nelson Marchezan Jr. (PSDB) trocou alfinetadas com José Fortunati (PDT) sobre o pagamento do IPTU. Ainda assim, a partir do dia 1º de janeiro as contas das redes sociais da prefeitura continuaram ativas nos mesmos endereços e os postagens foram atualizadas com a nova gestão.

Outro exemplo bem mais espinhoso foi o ocorrido com a conta do Palácio do Planalto. Mesmo um processo de impeachment tendo colocado em lados extremamente opostos Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (PMDB), as contas oficiais do Governo Federal se mantiveram as mesmas.

Fonte: O Alvoradense