Foto: Divulgação / Corsan / Arquivo / OA

Na última semana o diretor-presidente da Corsan, Roberto Barbuti, esteve com o prefeito Appolo apresentando a empresa Ambiental Metrosul, parceira na Parceria Público Privada (PPP) do Saneamento.

Pertencente ao Grupo Aegea Saneamento, que venceu o leilão realizado em 2019, a Ambiental Metrosul será responsável por operar, ampliar e construir a infraestrutura de esgotamento sanitário em cidades da região, dentro de um prazo de 11 anos.

A agenda com os prefeitos marcou o início dos trabalhos da empresa na área de abrangência da PPP na Região Metropolitana de Porto Alegre (RMPA), que possibilita a universalização do tratamento do esgoto em nove municípios, beneficiando diretamente 1,7 milhão de pessoas e contribuindo para a qualidade ambiental da região.

O serviço de esgotamento sanitário da Corsan nos municípios terá sua operação transferida para a Metrosul. Num primeiro momento, a empresa vai acompanhar o trabalho executado pela Companhia, fase que deve se estender até fim de novembro.

De dezembro até meados de 2021, a operação passa a ser feita pela Metrosul, com o apoio e a supervisão da Corsan. A partir de então, a Metrosul assumirá integralmente o serviço.

A relação comercial global e o tratamento e a distribuição de água, permanecem com a Corsan.