Deputados aprovaram por unanimidade novo mínimo regional durante convocação extraordinária desta quinta-feira | Foto: Vinicius Reis/ALRS/OA

O reajuste de 12,72% para os pisos salariais dos trabalhadores privados no Rio Grande do Sul foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa, na convocação extraordinária desta quinta-feira (26).

Os novos valores do piso salarial passam a valer a partir de 1° de fevereiro de 2014.

A proposta aprovada também cria uma quinta faixa, que contemplará os técnicos de nível médio e era uma reivindicação das centrais sindicais. Duas emendas apresentadas à matéria foram aprovadas, uma dos deputados Edegar Pretto (PT) e Aldacir Oliboni (PT) e outra do deputado Valdeci Oliveira (PT).

Os novos valores:

I – R$ 868,00: domésticas/os, agricultura, pecuária, pesqueira, construção civil, motoboy, turismo, garagens e estacionamentos, hotéis, bares e restaurantes, etc;

II – R$ 887,98: indústria do vestuário, calçados, fiação, tecelagem, artefatos de couro, papel, papelão e cortiça, vendedores jornais e revistas, serviços de saúde, etc;

III – R$ 908,12: indústria do mobiliário, química, farmacêutica, cinematográfica, alimentação, comércio em geral, etc;

IV – R$ 943,98 – indústria metalúrgica, gráfica, vidros, cristais, espelhos, cerâmica de louça, porcelana, artefatos de borracha, seguros e capitalização, vigilantes, etc);

V – R$ 1.100,00 – técnicos de nível médio, tantos em cursos integrados, quantos subsequentes ou concomitantes.

Fonte: O Alvoradense