Deputado mais votado em Alvorada nas últimas eleições, Henrique Fontana votou contrário a abertura do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff | Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil/OA

Entre os 13 deputados federais eleitos em 2014 e que receberam mais de 1 mil votos em Alvorada, oito foram favoráveis a continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff durante a sessão plenária na tarde deste domingo (17).

Henrique Fontana (PT) foi o então candidato no pleito de dois anos atrás que mais recebeu votos na cidade. Foram 12.695, 13,69% do total de votos da cidade. O petista encabeçou a linha de frente da defesa da presidente durante todo o processo de impedimento e votou contrário à matéria.

[wp-svg-icons icon=”file-4″ wrap=”b” color=”#dd9933″] Entenda o processo do impeachment

Danrlei de Deus (PSD), segundo mais votada na cidade, votou favorável ao impeachment, assim como João Derly, que na época do pleito era do PCdB e hoje está na Rede. Carlos Gomes (PRB), Onyx Lorenzoni (Dem), Luiz Carlos Busato (PTB), Alceu Moreira (PMDB), Ronaldo Nogueira (PTB) e José Luiz Stedile (PSB) também votam sim a abertura do processo de afastamento da presidente.

[wp-svg-icons icon=”file-4″ wrap=”b” color=”#dd9933″] Pesquisa OA: 70% se dizem a favor do impeachment em Alvorada

Os votos contrários, além de Henrique Fontana, foram dos seu colegas de partido Maria do Rosário, Paulo Pimenta e Marco Maia, e do pedetista Afonso Motta.

Entre todos da bancada gaúcha na Câmara, 22 foram a favor do impeachment e oito se posicionaram contrários.

[wp-svg-icons icon=”file-4″ wrap=”b” color=”#dd9933″] Após votação, dúvida sobre rito do processo prevalece nas ruas de Alvorada

Veja como se posicionaram na sessão do impeachment os 13 deputados mais votados em Alvorada nas eleições de 2014:

Henrique Fontana (PT) –  NÃO 
Danrlei de Deus (PSD) –  SIM 
João Derly (Rede) –  SIM 
Marco Maia (PT) –  NÃO 
Carlos Gomes (PRB) –  SIM 
Onyx Lorenzoni (DEM) –  SIM 
Luiz Carlos Busato (PTB) –  SIM 
Alceu Moreira (PMDB) –  SIM 
Maria do Rosário (PT) –  NÃO 
Ronaldo Nogueira (PTB) –  SIM 
Paulo Pimenta (PT) –  NÃO 
Afonso Motta (PDT) –  NÃO 
José Luiz Stedile (PSB) –  SIM 

Segundo deputado mais votado na cidade, Danrlei de Deus (PSD-RS) disse sim ao seguimento do processo de impeachment | Foto: Heleno Rezende / PSD / OA
Segundo deputado mais votado na cidade, Danrlei de Deus (PSD-RS) disse sim ao seguimento do processo de impeachment | Foto: Heleno Rezende / PSD / OA

Fonte: O Alvoradense