Esta noite tem Concerto de Natal

Apresentação no Largo da Prefeitura será a partir das 19 horas

412
Foto: Mariú MD / OA

Entre as atividades natalinas de 2021 – Comemorando a Vida, acontece o Concerto de Natal na noite desta quinta-feira (3) no Largo Leonel Brizola, em frente à Prefeitura.

A apresentação estará a cargo do Projeto Jovens Talentos, que levará sua música aos alvoradenses com canções natalinas e outras conhecidas do público.

O grupo, liderado pelo professor José Altamiro é formado por alunos da Escola Municipal Podalírio Inácio de Barcellos, e recentemente se apresentou durante o Concerto Didático, da Orquestra de Câmara da Ulbra, que esteve no município em 25 de novembro, em apresentação única na Igreja São José Operário, para um público de cerca de 350 alunos de 12 escolas públicas, municipais e estaduais.

História

O professor José ingressou no município como docente em 2009 e, já em 2010, iniciou seu trabalho no Projeto de Arte Educação Musical.

Em 2011 montou Banda Marcial Podalírio de forma voluntária, com ensaios após o horário de aula. Já naquele período o grupo passou a participar de atividades na escola e no município.

Com a professora e coreógrafa Regina Santos, da Escola Estadual Campos Verdes, em 2016 iniciou o Projeto Jovens Talentos, unindo música e dança, também com trabalho voluntário.

Foram mais de 60 apresentações, inclusive na Coordenadoria Regional de Educação (CRE) em Gravataí, além de muitas outras em Alvorada e Porto Alegre.

Somente em 2018 o professor José conseguiu que a atividade fosse incluída na carga horária dos alunos, dando maior impulso ao Jovens Talentos, passando a atender os alunos no turno inverso, com grupos de estudo de violão, escaleta, lira, bateria e percussão, teclado e ainda um dia para ensaio.

Recentemente se apresentaram também na inauguração do Parque Municipal Lagoa do Cocão, além da classificação como semifinalistas no Concurso Nacional de Arte na Escola, em São Paulo.

Professor

José Altamito foi, por muitos anos, músico de baile, como baterista profissional, e quando fez o magistério e foi nomeado em Alvorada, levou sua música para dentro da escola. No início, além do trabalho voluntário, também fornecia alguns instrumentos para os alunos.

Como resultado, ele hoje se orgulha em citar que há alunos que seguiram seu exemplo, sendo que um se profissionalizou como gaiteiro, enquanto outros que dão aula de violão, teclado… e há ainda os que montaram suas bandas.

“Acredito na música para a formação do ser humano, melhorar autoestima, a linguagem…

Um caminho de auto descobrimento e formação sócio cultural. Esse é ao grande objetivo do nosso trabalho”, conclui o professor.