José Dirceu foi preso nesta manhã em sua casa | Foto: TV Brasil
José Dirceu foi preso preventivamente nesta manhã em sua casa | Foto: TV Brasil

O ex-ministro José Dirceu foi preso preventivamente nesta segunda-feira (3) na 17ª fase da Operação Lava Jato. Ele é apontado pela Polícia Federal como criador e beneficiário do esquema de corrupção na Petrobras. Na época, Dirceu era o ministro o da Casa Civil.

O esquema teria começado a partir do momento em que Dirceu nomeou Renato Duque para Diretoria de Serviços da Petrobras. O procurador federal Carlos Fernando Lima afirmou que “durante o período como ministro aceitou que o esquema existisse e se beneficiou dele também”.

• ASSINE: Receba a edição impressa do jornal O Alvoradense em casa
• ENSINO: Somente uma escola estadual teve aula normal em Alvorada nesta segunda

A acusação seria de que José Dirceu teria montado um plano similar ao escândalo do mensalão. Segundo a investigação, o ex-ministro estaria atuando de forma corrupta desde os tempos do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Não está descartada a participação de Lula no esquema.

Preso em Brasília, José Dirceu foi levado para a Superintendência da Polícia Federal no Distrito Federal e depende de liberação do STF para que seja transferido para Curitiba, onde estão concentradas as ações da Lava Jato.

Fonte: O Alvoradense / Com informações da Agência Brasil