Novos estudos sobre a tarifa serão apresentados nesta semana | Foto: Walter Fagundes / SOP / OA
Novos estudos sobre a tarifa serão apresentados nesta semana | Foto: Walter Fagundes / SOP / OA

O governo do Estado determinou a retirada do pedido de reajuste da tarifa dos coletivos metropolitanos e intermunicipais.

As empresas haviam solicitado 5,88% de aumento, o que elevaria a passagem de ônibus entre Alvorada e Porto Alegre para R$ 3,22.

De acordo com o Governo do Estado, no entanto, novos estudos deverão ser apresentados após o Governo Federal isentar as empresas do setor de tributos como PIS e Cofins, além da desoneração da folha de pagamento.

Luiz Carlos Busato, secretário de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano, estima reduzir o percentual para, no mínimo, a metade do índice proposto pela Associação dos Transportadores Intermunicipais de Passageiros (ATM).

No ano passado, o reajuste na Região Metropolitana chegou a 6,28%. A composição do custo tarifário é baseada em rodagem, preço do combustível e do lubrificante, tributos, peças e acessórios, despesas administrativas, manutenção e operação, entre outros.

Antes de aprovada, a tarifa é avaliada pelo Conselho Superior da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS (Agergs).

Fonte: O Alvoradense