Perícia encontrou três tipos de cartuchos utilizados no crime / Foto: Álvaro Grohmann / Correio do Povo / Especial / OA

As primeiras investigações sobre o crime ocorrido na manhã desta terça-feira (23) no Jardim Porto Alegre apontam, entre outras hipóteses, relação com o tráfico de drogas. Na região há um ponto de tráfico conhecido como Boca do Patinhas, que faz limite com o Loteamento Timbaúva, em Porto Alegre.

As vítimas não portavam documentos e foram posteriormente identificadas como Karina Santos Marques, 23 anos, Adriana Machado Cruz, 22 anos e Pâmela Vasconcelos Corrêa, 18 anos, todas moradoras de Porto Alegre.

Alguns moradores disseram que viram pelo menos dois indivíduos armados com as vítimas, que foram atingidas por tiros de espingarda calibre 12, de pistola calibre 380 e de revólver calibre 38.

Fonte: O Alvoradense