Foto: Comunicação Social / 24°BPM / OA

Um homem de 47 anos, portador de deficiência mental, morreu na noite de terça-feira (22), quando a casa em que morava pegou fogo, na rua Duque de Caxias, bairro Maringá.

Por volta das 22h40min o Corpo de Bombeiros Militar foi acionado, assim como a Brigada Militar. No local, de difícil acesso devido à grande quantia de material combustível (plástico e papelão para reciclagem), vizinhos relataram que a vítima, Humberto da Rosa, chegou a gritar por socorro, mas os familiares não conseguiram resgatá-lo.

Conforme o padrasto da vítima, que estava dormindo quando o fogo iniciou, ele chegou a arrombar a porta do quarto do enteado, mas tudo estava tomado por fogo e fumaça. Além deste homem, de 54 anos, também estavam na casa sua esposa e uma neta dela. Todos passam bem.

O corpo foi encontrado ao final do combate ao fogo e o local isolado e acionado o Instituto Geral de Perícia (IGP). A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Alvorada.

Os vizinhos da família se mobilizaram com doações. Além da casa, eles também perderam seu sustento, pois vendia ovos e as 21 codornas e oito galinhas, que estavam dentro de casa, morreram no incêndio.