Isabel Cambeiro é indicada ao Troféu Anita

Natural de Montevidéu, ela tem importante atuação junto à comunidade alvoradense

178
Foto: Arquivo Pessoal / OA

A cada ano as Regiões Tradicionalistas escolhem uma mulher para receber o troféu Anita. Em 2021, ano em que Anita Garibaldi foi homenageada pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) durante as festividades farroupilhas no mês de setembro, a subcoordenadoria de Alvorada, pertencente à 1ª Região Tradicionalista, indicou Alcira Isabel Techera Alvarez de Cambeiro para receber a homenagem.

Nascida em Montevidéu, Uruguai, em 25 de outubro de 1948, Isabel chegou ao Brasil, através de Uruguaiana, em 1973. Acompanhada do marido Orlando Walter Cambeiro e os dois filhos ainda pequenos, Shirley Isabel Cambeiro Techera e Walter Andrés Cambeiro, teve ali o seu primeiro contato com os costumes gaúchos, principalmente a linguagem e culinária.

Em 1988, já em Alvorada, passa a participar do Movimento Tradicionalista assumindo, junto com Walter, o Conselho Fiscal do CTG Amanhecer na Querência. A partir daí o casal compôs diversas patronagens e seguem, até hoje, como colaboradores.

A participação de Isabel Cambeiro ainda se estende à interprete vocal em diversas competições, representando o CTG; colaborou na modificação do regulamento do Jogo de Solo em 2004, um dos sete jogos oficiais do MTG; participou da Fecars, Aberto de Esportes e Enecamp, como adjunto do diretor do Jogo de Solo, de 2004 até 2016, e de 2017 a 2021 como diretora do Jogo de Solo (MTG).

Também junto à comunidade alvoradense, tem importante papel, dedicando-se a trabalhos voluntários em ações com o Grupo Escoteiro Chefe Ieda, Clube de Mães, escolas e ONG’s, atuando como “vó do lanche”, costureira, reparadora de brinquedos, contadora de histórias e principalmente Papai Noel nas festas da comunidade.

Frente a este trabalho, a votação entre os patrões dos CTGs de Alvorada a indicaram ao troféu, que será entregue no domingo (12) na sede da 1ª Região Tradicionalista, Zona Sul de Porto Alegre.