A jovem Luciana Almeida da Silva, de 21 anos, foi encontrada morta com um tiro de espingarda na manhã desta quarta-feira (13) em sua casa, na rua Anita Malfatti, bairro Pró-Morar, zona Leste da cidade.

O corpo de Luciana foi encontrado por sua mãe por volta das 9h ao lado da cama do quarto onde ela vivia com o marido.

A Brigada Militar foi acionada porque a casa estava trancada e ninguém respondia o chamado do lado de fora. Segundo testemunhas, um tiro foi ouvido na noite de terça-feira.

O marido de Luciana, de 28 anos, trabalha como caminhoneiro em uma empresa de entregas, e nesta manhã não apareceu para trabalhar. A Polícia Civil tentou localizar o homem ao longo do dia e também não o localizou. Até o momento ele é apontado como o principal suspeito do crime.

Fonte: O Alvoradense