Professor Borba (E) e Pila (D) tiveram os direitos políticos cassados | Foto: Site Oficial Professor Borba / Divulgação / OA
Professor Borba (E) e Pila (D) tiveram os direitos políticos cassados | Foto: Site Oficial Professor Borba / Divulgação / OA

A direção municipal da Juventude Socialista do Partido Democrático Trabalhista (JSPDT) emitiu nota em apoio ao presidente municipal da sigla, Dilson Rui Pila, que teve os direitos políticos cassados por oito anos pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE).

A decisão também atingiu o ex-candidato a prefeito e atual Secretário Adjunto do Trabalho e do Desenvolvimento Social do Governo do Estado, Professor Borba (PTB).

Segundo Tiano Caduri, presidente da JSPDT e quem assina o documento, Pila não teve qualquer ação ou omissão que colaborem com as supostas irregularidades, tendo este respondido “solidariamente” ao caso.

“(A condenação) foi, na verdade, por estar investido de uma missão e de um projeto partidário, que Pila representou o PDT no último pleito municipal”, diz o texto.

O grupo afirmou confiar na Justiça e pediu que “os supostos responsáveis sejam devidamente responsabilizados e a situação dos inocentes de pronto esclarecida”.

Confira a nota na íntegra:

A Direção Municipal da Juventude Socialista do Partido Democrático Trabalhista (JS/PDT) de Alvorada, tendo em vista a decisão proferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Sul (TRE-RS), nos autos da Ação de Investigação Judicial Eleitoral nº 315-36.2012.6.21.0124, vem a público externar solidariedade ao Presidente Municipal do PDT, Dilson Rui Pila da Silva.

Breve análise da sentença proferida é suficiente para restar claro que o Presidente Pila responde solidariamente, apenas, por ter sido candidato a Vice-Prefeito, sem qualquer tipo de ação ou omissão que tenha colaborado para com as supostas irregularidades. Foi, na verdade, por estar investido de uma missão e de um projeto partidário, que Pila representou o PDT no último pleito municipal.

Reafirmamos publicamente nossa confiança em nosso dirigente municipal. Quem demonstrou, em todas as oportunidades, o seu compromisso com a ética, com a seriedade e com a legalidade, não terá sua história de vida pública limpa e de condutas ilibadas, atingida por calunias e inverdades proferidas por aqueles que o fazem com claros e evidentes interesses políticos.

Por fim, cumpre-nos reiterar nossa confiança no Poder Judiciário. Desejamos que os supostos responsáveis sejam devidamente responsabilizados e a situação dos inocentes de pronto esclarecida. Continuaremos fieis aos ensinamentos de Leonel Brizola e acreditando na política como ferramenta para realizar a verdadeira revolução social, através da educação.

Tiano Caduri
Presidente JS/PDT
Alvorada

Fonte: O Alvoradense