Foto: Divulgação / OA

Logo nos primeiros dias de 2021 o quadro político de Alvorada sofreu alterações com a posse da vereadora eleita do MDB, Neuza Machado, como secretária Municipal de Educação.

A ação levou o primeiro suplente do partido, Marcos Paulo Barbosa da Silva, o Marquinhos a assumir a cadeira na Câmara de Vereadores já em 5 de janeiro.

Marquinhos conquistou 1122 votos nesta que foi sua segunda campanha para vereador, tendo a maioria dos seus eleitores concentrada “nas vilas e periferias do nosso município, que é aonde eu vivo e não saio de maneira alguma”.

Ele conta que ingressou na politica em 2015 e na eleição de 2016 fez 805, garantindo a terceira vaga na suplência do MDB. No mandato anterior, assumiu como vereador por quatro meses e também foi secretário dos Serviços Urbanos por quase um ano.

A posse lhe dá “a sensação de felicidade de ser um representante da comunidade na Câmara e a certeza aos meus eleitores que não foram às urnas em vão. Deu tudo certo!”.

Em entrevista ao jornal O Alvoradense, o vereador Marquinhos salienta a oportunidade “graças ao meu grande mentor e amigo, o prefeito Appolo, de assumir desde o início um lugar na Câmara” e ele complementa agradecendo “à família, aos apoiadores e aos 1122 eleitores que acreditaram em nossa proposta”.

Questionado sobre quais seus principais objetivos no Legislativo, afirma que pretende agir na área do desenvolvimento Urbano, buscando recursos pra infraestrutura junto ao Governo Federal e desenvolver projetos que possam, de alguma maneira, “favorecer os mais humildes do nosso município”, conclui.