Morador ressaltou que muitos estudantes passam pelo pontilhão diariamente | Foto: Noemi Galarce Martins / Especial / OA

Cansado de esperar pela atenção da Administração Municipal, um morador do bairro Nova Americana resolveu consertar o pontilhão localizado entre as ruas Carlos Gomes e Pp-3. No último final de semana, Valdemir Oliveira, conhecido como Bigode, trocou as tábuas quebradas e prendeu alguns ferros que estavam soltos.

O problema foi relatado pelo jornal O Alvoradense em 22 de fevereiro, quando a Comunicação Social da Prefeitura afirmou que iria verificar a situação e dar retorno de ações no local em seguida.

A preocupação de Bigode e da esposa Noemi Galarce Martins é com as crianças que utilizam o atalho para ir à escola, além dos adultos – incluindo vários idosos. Com ferramentas e material que tinha em casa, ele deixou o pontihão em condições seguras de uso, no que foi elogiado pelos vizinhos.

“Agora queria deixar um apelo para que as motos não passem por ali, porque pode estragar”, postou Noemi em uma rede social.

Fonte: O Alvoradense