Grêmio perde para o Canos na volta do Olímpico | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / OA

Era para ser uma festa, afinal o Olímpico voltava a abrir suas portas para uma partida oficial. Mas os garotos de Marcelo Mabília não conseguiram superar a zaga do Canoas e acabaram derrotas por 2 a 1 na noite desta quinta-feira.

O time tenta agora uma recuperação contra o Santa Cruz no próximo domingo, às 19h30min.

O Grêmio permanece com três pontos na competição, o que lhe garante a terceira colocação no Grupo A em busca do taça Piratini. Caxias em segundo e Lajeadense em primeiro completam o topo da tabela.

Canoas abre o placar

A equipe Tricolor começou a partida buscando abrir espaços na defesa do Canoas com trocas de passes e valorizando o volume de jogo. Mesmo com a maior posse de bola, o Grêmio teve dificuldades em chegar de forma mais contundente ao gol adversário na primeira etapa.

Na melhor chegada gremista, em toque de calcanhar do centroavante Lucas Coelho, Rondinelly ficou cara a cara com o goleiro Nicolas. No arremate de perna esquerda, a bola saiu por sobre a meta. Na jogada seguinte, em cobrança de escanteio aos 42 minutos, Eder arrematou de cabeça na segunda trave para abrir o placar para os visitantes.

Canoas amplia e Grêmio corre atrás do prejuízo

O técnico Marcelo Mabília promoveu duas trocas com as entradas do atacante Paulinho e do meia Jean Deretti, nos lugares de Carlos Alexandre e Rondinelly, respectivamente. A ideia de proporcionar mais velocidade na transição ofensiva surtiu efeito logo aos 2 minutos com Paulinho, que recebeu pelo lado direito da área e bateu com perigo.

Oito minutos depois, em rápida jogada pelo lado direito, o Canoas ampliou o marcador com Tiago Santos. Após o gol, o Grêmio conseguiu se ajustar melhor em campo e começar a pressionar o adversário. Aos 21 minutos, Lucas Coelho apareceu como centroavante na área e empurrou para as redes, depois de boa jogada individual de Jean Deretti.

Ainda com a metade da etapa para buscar o gol de empate, o Grêmio não achava espaços no ferrolho montado pelo Canoas, tentou em jogadas de bolas alçadas na área, mas a chance do empate não apareceu.

Grêmio perde para o Canos na volta do Olímpico | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / OA
Grêmio perde para o Canos na volta do Olímpico | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / OA

Taça Piratini – 2ª Rodada

Grêmio 1
Busatto; Tinga, Gerson, Werley e Carlos Alexandre (Deretti); Ramiro, Misael, Calyson e Rondinelly (Paulinho); Gustavo Xuxa (André) e Lucas Coelho. Técnico: Mabília

Canoas 2
Nicolas; Fabinho (Michel), Tairone, Gustavo Castro, Julinho, Natan, Ricardo, Maicon Sapucaia (Diego Salini), Adilson, Ederson e Tiago Santos (Max). Técnico: R. Bandeira.

Gols: Ederson (42min/1ºT), Tiago Santos (10min/2ºT);
Cartões amarelos: Adilson, Thiago Santos, Ricardo e Natan (C); Gerson, Werley e Misael (G).
Local: Estádio Olímpico.
Público total: 4635
Renda: R$ 71.217,00

Fonte: O Alvoradense