Notas de R$ 2 e R$ 5 encerram o ciclo de substituições iniciado pelo BC em 2010 | Foto: BC/Divulgação/OA
Notas de R$ 2 e R$ 5 encerram o ciclo de substituições iniciado pelo BC em 2010 | Foto: BC/Divulgação/OA

Começaram a circular nesta segunda-feira (29) as novas cédulas de R$ 2 e R$ 5 da segunda família do real.

De acordo com o Banco Central (BC), as notas trazem elementos adicionais de segurança, como a marca d’água e o número escondido, já presentes nas notas de R$ 50 e R$ 100 e de R$ 10 e R$ 20, lançadas respectivamente em 2010 e 2012.

As novas cédulas encerram o ciclo de substituições iniciado pela autoridade monetária em 2010. Naquele ano, foram divulgadas imagens dos seis novos modelos.

As cédulas da segunda família do real trazem o valor da nota no canto superior direito. Quando ela é posta em movimento, os algarismos variam da cor azul para a verde e uma barra brilhante parece rolar sobre eles.

Durante a solenidade de lançamento das cédulas, o diretor de Administração do Banco Central, Altamir Lopes, anunciou que os novos modelos que entraram em circulação terão uma camada protetora contra sujeira. Ele explicou que a proteção tem como objetivo impedir o desgaste rápido das cédulas, que são as mais manuseadas, por serem de baixo valor.

O balanço do BC indica que 71,3% das cédulas de R$ 100 e 63,8% das de R$ 50 foram trocadas. Quanto às notas de R$ 20 e de R$ 10, já foram substituídas 31,3% e 36,9%, respectivamente.

O Banco Central esclarece ainda que as notas antigas não perderão valor. Elas serão substituídas gradualmente no dia a dia, conforme forem tiradas de circulação por causa do desgaste natural.

nota-dois-reais
A nota de R$ 2 tem a menor largura entre todas as notas da nova família do Real | Foto: BC/Divulgação/OA
nota-cinco-reais
Notas trazem elementos adicionais de segurança, como a marca d’água e o número escondido | Foto: BC/Divulgação/OA

Fonte: O Alvoradense / Com informações da Agência Brasil