Delegado Luis Carlos está responsável pela DPPA / Foto: Mariú Delanhese / OA

Um delegado que conhece a cidade e pediu para trabalhar em Alvorada, onde pretende permanecer por um bom tempo. Este é Luis Carlos Rollsing, titular da 2ª Delegacia de Polícia desde dezembro e que já atuou em Alvorada nos anos 90, quando era oficial da Brigada Militar.

De 1995 a 97 foi o comandante da então 4ª Cia do 17º BPM e permaneceu como tenente no Destacamento Especial até 2001. Fora da cidade, permaneceu na BM até 2010, quando ingressou na Polícia Civil, tendo sido delegado em Lagoa Vermelha e Viamão, antes de retornar a Alvorada.

Na última semana esteve visitando locais e pessoas conhecidas, como o prefeito e ex-delegado Appolo e o comandante do 24º BPM, tenente-coronel Marcelo Carpes. “Bom rever as pessoas, alguns amigos e a comunidade alvoradense”, avalia Luis Carlos.

Entre suas ações imediatas está a melhoria nas instalações da 2ª Delegacia de Polícia, no Jardim Algarve, e da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento / DPPA, Salomé, onde é delegado responsável até final de março, com aquisição e conserto de equipamentos. O objetivo é qualificar o atendimento ao público e melhorar o ambiente de trabalho aos servidores, além da segurança dos prédios. Afirma que, em breve, entrará em contato com a Prefeitura para solicitar a limpeza do terreno da 2ª DP, que hoje está tomado pelo mato.

“Encontrei aqui uma boa equipe de trabalho, com profissionais dedicados”, avaliou o delegado, informando que já foram feitas ações no combate a roubos de pedestres e coletivos em sua área de atuação.

E ele pretende seguir com essas ações concretas de repressão, inclusive com blitz em estabelecimentos públicos, “buscando identificar os grupos ou pessoas que atuam nos roubos e inibir esta ação”, diz o delegado. Para tanto ele quer desenvolver um trabalho integrado entre a Polícia Civil, Brigada Militar e Secretaria Municipal de Segurança. “Estamos em contato com os outros órgãos de segurança, para desenvolver um bom trabalho na cidade”.

Fonte: O Alvoradense