Três homens foram presos em Sapucaia do Sul suspeitos de integrarem quadrilha | Foto: Polícia Civil/Divulgação/OA
Três homens foram presos em Sapucaia do Sul suspeitos de integrarem quadrilha | Foto: Polícia Civil/Divulgação/OA

Dez mandados de prisão, seis deles preventivos e quatro temporários, e 16 de busca e apreensão foram cumpridos na manhã desta quinta-feira em Alvorada, Porto Alegre e cidades da Região Metropolitana (RM) pela Polícia Civil. A operação buscou desarticular quadrilhas especializadas em roubos de joalherias e cargas.

O titular da Delegacia de Roubos, delegado Joel Wagner, afirmou que uma das quadrilhas procuradas é suspeita de assaltar duas joalherias nos últimos três meses na zona norte de Porto Alegre, uma no shopping Bourbon Wallig e outra no Centerlar.

A operação ocorreu de forma conjunta com a Delegacia de Roubos e a Delegacia de Repressão ao Furto e Roubo de Cargas do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

Roubo de cargas
Outra ação também desarticulada nesta quinta-feira prendeu quatro pessoas em Sapucaia do Sul. Com o apoio de 100 policiais, cinco delegados e 30 viaturas, diversos produtos provenientes de roubo e furto de carga foram apreendidos. 

Um dos presos, segundo o delegado, é considerado o principal receptador e assaltante de cargas do Rio Grande do Sul. A Polícia Civil acredita que o bando praticou pelo menos dez crimes do tipo no último ano.

Material apreendido com membros da quadrilha | Foto: Polícia Civil/Divulgação/OA
Material apreendido com membros da quadrilha | Foto: Polícia Civil/Divulgação/OA

Fonte: O Alvoradense