Presidente vai repensar participação do Tricolor no Gauchão | Foto: Fazeta Press

Após a lesão de Kleber que deixará o jogador afastado do clube por pelo menos 5 meses, o presidente do Grêmio, Paulo Odone falou para todos em uma entrevista coletiva agendada: se a situação de forte violência permanecer no Campeonato Estadual, o Grêmio não iá mais participar da competição a partir de 2013.

“Neste Gauchão, vamos disputar para ganhar até o fim. Vamos usar para dar a resposta que podemos dar dentro de campo. Mas vamos pedir para o torcedor fiscalizar. Não é assim que se ganha, não é assim que se faz um time ser campeão. Isso não é futebol. Vamos levar isso ao conselho do Grêmio. O Grêmio precisa repensar em sua participação no futebol Gaúcho se não houver uma atuação cirúrgica da Federação Gaúcha de Futebol”, faliu o presidente que se viu em maus lençóis com a segunda perda importante no elenco. A primeira foi Mário Fernandes.

Na parte do Colorado, também existe um desfalque por causa do Campeonato Gaúcho. D’Alessandro, o principal jogador do Inter também está lesionado. E ainda mais pessoas que também disputam o título de outros times também não estão com os seus jogadores 100%.

A dupla Gre-Nal possui o que tem de melhor em plantel no Brasil. Lesões são coisas normais. Acontece com todos os times. Se a preocupação for com os seus principais atletas, comecem a pensar nos milhares de jogadores que cada time possui. Como por exemplo o grupo B, categorias de base… Eles também fazem parte do elenco e são muito pouco aproveitados.

Se assim fosse, até o Campeonato ficaria mais disputado e com boas chances para os times do interior.

 

Fonte: Laura Toscani / O Alvoradense