Carro com placa de Santa Catarina não estava em registro de roubo | Foto: Comando de Policiamento Metropolitano  / Divulgação / OA
Carro com placa de Santa Catarina acabou incendiado | Foto: Comando de Policiamento Metropolitano / Divulgação / OA

O triplo homicídio que aconteceu no Distrito Industrial pode estar ligado ao tráfico de drogas. As vítimas já foram identificadas pela polícia, que prefere não divulgar os nomes por enquanto. De acordo com o delegado Cassiano Cabral, um dos mortos tinha antecedentes criminais.

Um casal de Cachoeirinha pode ser dois dos três carbonizados dentro do carro. Eles teriam sido vistos andando com o veículo Gol, com placa de Criciúma (SC). O casal não tinha antecedentes criminais, e pode ter sido somente vítima da circunstância.

Os assassinatos aconteceram na estrada da Palha, no Distrito Industrial. Por imagens de câmeras de segurança, a polícia estuda que a ação criminosa tenha ocorrido entre 22h15min e 22h25min de terça-feira (28). No meio da via, a polícia encontrou estojos de pistolas calibre 9 milímetros.

• ASSINE: Receba a edição impressa do jornal O Alvoradense em casa
• CHUVA: Site especial reúne cobertura completa dos alagamentos em Alvorada

Os corpos ainda estão sendo analisados pela perícia. Mas já há a confirmação de que os três apresentavam marcas de disparos de arma de fogo. Dois estavam no banco de trás e o outro no porta-malas.

Fonte: O Alvoradense