Segundo moradores, vítima de acidente aguardou por mais de uma hora para receber socorro no bairro Americana | Foto: Gislaine Frois/Especial OA
Segundo moradores, vítima de acidente aguardou por mais de uma hora para receber socorro no bairro Americana | Foto: Gislaine Frois/Especial OA

Apesar da demora no atendimento a uma vítima de acidente de trânsito nesta quinta-feira (26) no bairro Americana, que segundo moradores foi superior à uma hora, a prefeitura considera que o serviço está “em pleno funcionamento”.

FOTOS: Veja imagens do acidente

Roberto dos Santos precisou de socorro por volta das 8h30 após colidir contra um veículo na esquina das ruas Coelho Neto e João Barbosa. Segundo Gislaine Frois, de 35 anos e moradora da região, o primeiro chamado para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ocorreu cerca de dez minutos depois do acidente. A ambulância, no entanto, chegou ao local às 9h30.

A central de atendimento do Samu em Alvorada informou a’O Alvoradense que apenas um veículo de socorro está funcionando na cidade e que este estaria em outro atendimento no momento do acidente na Americana.

A prefeitura, no entanto, desconhece o problema. Por meio da Coordenadoria de Comunicação Social (CCS), o órgão informou que a cidade possui três ambulâncias e que apenas uma está estragada. Ela estaria passando por conserto em uma oficina mecânica e não tem data para entrega.

O atendimento, ainda segundo a CCS, é realizado com as duas ambulâncias restantes, além do auxílio do Corpo de Bombeiros e de outros veículos de resgate da prefeitura.

O Serviço de Atendimento Voluntário de Emergência (Save) também auxilia nos resgates, mesmo passando por dificuldades financeiras e contando apenas com um veículo.

Fonte: O Alvoradense