Galera do bem!Conforme noticiado infelizmente teremos que sair da associação, pois recebemos um pedido oficial do presidente, nosso realidade é crítica, embora a água tenha baixado, ainda assim há muita água e lodo no local, não sendo possível atender às necessidades dos cães com o mínimo de dignidade!Veja o vídeo abaixo:⬇️

Posted by Nelsinho Fernandes on Quinta, 30 de julho de 2015

Abrigado no terreno de uma associação de moradores no bairro Formosa há mais de uma semana, José Damião Santos e seus mais de 100 cachorros resgatados durante enchente no bairro Americana terão que deixar o local.

José foi comunicado nesta quinta-feira (30) pelo presidente da associação, que lhe entregou um pedido oficial. Ao lado do amigo Nelsinho Fernandes, que tem o auxiliado desde que deixou a casa alagada, José gravou um vídeo onde pede ajuda do poder público.

“Os cachorros que eu queria mandar para castrar já não poderei mais”, explica, ao citar que sua casa segue alagada e tomada pelo lodo. “Só vendo pra crer”. 

• ASSINE: Receba a edição impressa do jornal O Alvoradense em casa
• CHUVA: Site especial reúne cobertura completa dos alagamentos em Alvorada

A vigilância sanitária chegou a fazer uma vistoria informal na associação no final de semana. Segundo José, apesar dos agentes terem apontado os riscos de permanecer na associação, que fica ao lado de um posto de saúde e de uma creche, não foi entregue nenhum pedido oficial para deixar o local. “Eles entenderam que era algo provisório”, explica.

Nesta quinta, contudo, o presidente da associação avisou que o ônibus terá que deixar o local.

No vídeo também é possível ver a situação da casa de José que, além das dezenas de cachorros que recolheu, tem mulher e dois filhos.

Fonte: O Alvoradense