Foto: Divulgação / OA

Em uma convenção muito tensa, realizada na tarde de sábado (5), e que chegou a ser judicializada, o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) decidiu apoiar a candidatura à reeleição do atual prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB) , por 25 votos contra 22. O outro grupo petebista, do presidente Gerson Luis, defendia o apoio à candidatura de Juliano Marinho (PSD).

A convenção foi totalmente online e decidiu pela coligação com MDB, PL e PP e aprovou a pré-candidatura de 26 nomes para as Eleições 2020.

Para conquistar a vitória na convenção, o grupo vencedor, liderado pelo vereador Cristiano Schumacher, reuniu políticos tradicionais que engrossaram o coro para derrotar a proposta da presidência do partido, que era estar na chapa majoritária, liderada por Juliano.

No domingo, dia seguinte à convenção do PTB, o ex-prefeito João Carlos Brum, que liderou o grupo vencedor da convenção, esteve presente ao lançamento da candidatura de Douglas Martello (Dem).

Já o grupo do ex-vereador Edson de Almeida Borba, apoia a candidatura da ex-deputada Stela Farias. Enquanto o grupo que perdeu a convenção, reafirma que continuará defendendo a candidatura de Juliano Marinho.