Rafael Borba viaja dia 31 rumo a Tailândia, em busca de tratamento | Foto: Divulgação / OA

O jovem Rafael Nunes Borba foi aceito para fazer tratamento na Tailândia. Ele sofre de Distrofia Muscular de Duchenne, uma doença degenerativa que prejudica a locomoção ao longo dos anos, chegando a acarretar a paralisia total das pernas.

Familiares de Rafael lideram a campanha #tamojuntorafa com o objetivo de arrecadar dinheiro para o tratamento. O hospital tailandês cobra mais de 26 mil dólares, que é somado às despesas de passagens e de um voluntário para acompanhá-lo. Convertendo para reais, a viagem custa R$ 99.547,62 por ano – em um tratamento que dura três anos.

Com a confirmação do aceite para o tratamento, Rafa viaja dia 30 de março para São Paulo, de onde embarca no dia seguinte para Bangkok. Ainda assim, o valor total necessário ainda não foi atingido pela família. Faltam mais de 60% dos custos das despesas tratamento, que está orçado em R$ 269.688,17, considerando o preço atual do dólar.

A campanha #tamojuntorafa seguirá firme buscando recursos. Neste final de semana, no carnaval de Alvorada, terá um bloco especial para o Rafael. “Vamos mostrar uma Alvorada solidária”, pede Liete Soares, tia do menino, ao convocar a população.

Doações de qualquer valor podem ser feitas através do site www.tamojuntorafa.com.

Fonte: O Alvoradense