Foto: Reprodução / OA

Em live realizada na manhã desta quarta-feira (19), o prefeito Appolo, acompanhado das secretárias Neuza Machado, da Educação, e Neusa Abruzzi, da Saúde, anunciou o retorno presencial às aulas na rede municipal de ensino a partir da próxima segunda-feira (24).

Conforme esclareceu a secretária Neuza Machado, o retorno é no sistema híbrido, ou seja, uma semana a turma tem aula presencial e na outra semana, remota. Os pais, assim como também acontece na rede privada e estadual, podem optar por mandar as crianças à escola ou permanecer com as aulas on-line “sem prejuízo das atividades escolares, com a implantação de um sistema de avaliação eficaz para a nova realidade”, garantiu a secretária.

Machado lembra que as aulas não pararam, pois o sistema remoto de ensino acontece desde 2020, “quando os professores trabalham ainda mais”, avalia ela.

Conforme as secretárias, as escolas estão preparadas para o retorno das crianças, com o cumprimento de todos os protocolos sanitários exigidos e com a fiscalização permanente de órgãos como o Comitê Operacional de Emergência em Saúde na Educação/COE-Municipal e a Vigilância em Saúde.

As escolas terão termômetro, tapetes sanitizantes, álcool em gel, máscara para os funcionários, dispenser com álcool em gel, sabonete líquido…

No dia da reunião pedagógica, normalmente às quarta-feira, a secretária Neuza Machado afirmou que haverá higienização total na escola, que se repete no final de semana.

Quanto à alimentação, será distribuída das 10h30 às 12 horas, no sistema marmita, evitando assim aglomeração no refeitório e possibilitando que a aluno leva para casa, se preferir.

Quanto aos professores que ainda não foram vacinados, por exemplo das creches parceiras, serão avisados dos dias da imunização, que vai acontecer por grupos. Lembrando que professores vacinam na cidade em que trabalham e não onde moram.

Segue o cronograma organizado pela Smed:

Dia 24/05 – Educação Infantil;

Dia 31/06 – 1º e 2º anos do Ensino Fundamental;

Dia 07/06 – 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental.

As demais turmas vão avançando conforme acontecer a vacinação dos professores. Pais e alunos devem ficar atentos às informações da Smed.

- PUBLICIDADE -