A Prefeitura de Alvorada divulgou nota nesta tarde onde afirma que está surpresa com a decisão do Conselho Estadual de Trânsito (Cetran), que suspendeu a certificação do Departamento de Trânsito municipal. O documento afirma que “[a notificação] foi encaminhada para a Procuradoria Geral do Município para análise que deverá subsidiar o posicionamento a ser adotado pela Prefeitura Municipal”.

O titular da secretaria municipal de Mobilidade e Segurança Urbana (SMSU), Fabiano Guimarães, também se disse surpreso: “o departamento possui doze anos de existência sem o registro de irregularidades”, afirma a nota.

Em entrevista a’O Alvoradense, Jaime Lobo, presidente do Cetran, afirmou que a situação coloca em risco a segurança de motoristas e pedestres. “Alvorada está na contramão de tudo o que fizemos para salvar vidas e diminuir os índices de acidentes”, garantiu ele.

Confira a nota na íntegra:

A SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE E SEGURANÇA URBANA (SMSU), DA PREFEITURA DE ALVORADA, ATRAVÉS DO SEU TITULAR FABIANO GUIMARÃES INFORMA QUE RECEBEU, NA TARDE DESTA QUARTA-FEIRA (26), A NOTIFICAÇÃO DA DECISÃO DO CONSELHO ESTADUAL DE TRÂNSITO, ÓRGÃO QUE COORDENA O SISTEMA ESTADUAL DE TRÂNSITO, INFORMANDO A SUSPENSÃO DO DEPARTAMENTO DE TRÂNSITO DO MUNICÍPIO.

O DOCUMENTO FOI ENCAMINHADO PARA A PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO PARA ANÁLISE QUE DEVERÁ SUBSIDIAR O POSICIONAMENTO A SER ADOTADO PELA PREFEITURA MUNICIPAL. SOBRE A NOTIFICAÇÃO, FABIANO SE DISSE SURPRESO VISTO QUE O DEPARTAMENTO POSSUI DOZE ANOS DE EXISTÊNCIA SEM O REGISTRO DE IRREGULARIDADES.

Fonte: O Alvoradense