LAMENTAÇÃO. Sequência de desempenhos ruins acende luz vermelha no Beira Rio. | Foto: Coritiba / Divulgação / OA

O jogo nem começou tão tarde assim, porém as figuras encontradas no Estádio do Coritiba não foi de agradável sensação para o time do Inter, que mais uma vez viu seu elenco perder o jogo. A maré de azar colorada subiu mesmo quando aos 6 primeiros minutos do primeiro tempo, Juan se lesionou e ficou sem poder atuar em campo. A temporada do jogador ma Europa fez o atleta não estar bem aquecido para a quantidade de jogos e esforço que o Brasil exige. Tanto se fez que nada de sair gol no lado vermelho. Apenas tentativas.

No segundo tempo, todo mundo que tava de vermelho passou por de baixo de uma escada. Pois o gol que saiu das virtudes de Rafinha começou com uma bela jogada de Lincoln, na qual Muriel defendeu coma mão esquerda. Logo após, Bolívar tirou a bola da defesa. Essa, bateu sem querer no braço de Rafinha. No desvio, a bola entra dentro das redes e é gol do Coritiba. A partir desta jogada, nada mais aconteceu. Aliás, até teve bolas na trave e boas oportunidades. Diego Forlán recebeu uma jogada da direita de Fred, mas perdeu a oportunidade na frente da goleira. Na busca pelo empate, Fernandão promoveu as entradas de Mike no lugar de Forlán, aos 15min, e de Marcos Aurélio no de Kleber, aos 22min. Nei passou a atuar de forma improvisada na lateral esquerda e Elton na direita. Nada funcionou.

“Sofremos o gol em lance meio duvidoso. Mas agora temos que melhorar para buscar a vitória nas próximas partidas”, afirmou Kleber, que sentiu lesão muscular durante a partida. A quantidade de lesões no time do Internacional, aliás, acabou se acumulando. Esta realidade afasta do preparador físico de Dorival Júnior parte da culpa, já que os problemas seguem com Fernandão. Ele, que está na 5ª partida sem vitória, pode ser demitido pelo mesmo Dorival Júnior no final de semana, já que o Inter pega o Flamengo, atual comandado por Dorival. E agora?

Somando apenas um pontos dos últimos 12 disputados, o Inter escorrega na tabela com 31 pontos no sexto lugar. O Coritiba ganha um pouco de gordura em relação à zona do rebaixamento, em 15º lugar com 22 pontos. No próximo domingo, às 16h, o Inter buscará a reabilitação diante do Flamengo, no Beira-Rio.

 

Fonte: Laura Toscani / O Alvoradense