Grevistas reunidos em frente á prefeitura na noite desta terça | Foto: Sima / Divulgação  / OA
Grevistas reunidos em frente á prefeitura na noite desta terça | Foto: Sima / Divulgação / OA

Já são três dias que o servidores municipais estão com os braços cruzados em função da greve deflagrada na última segunda-feira (05) e sem data definida para o seu encerramento.

Entre as reivindicações estão aumento salarial de 20%, vale-alimentação de R$ 18 com padronização de desconto de 20% e fim do assédio moral.

Segundo o presidente do sindicato do Sima, Rodinei Rosseto, o percentual de adesão à greve chega a quase 80% na manhã desta quarta-feira. No começo da manhã de hoje, grevistas protestaram em frente ao Pam-8. Um dos servidores da saúde em greve está em greve de fome desde a última segunda-feira em protesto contra, segundo ele, o descaso da atual administração com a saúde do município.

Ainda conforme Rosseto, será encaminhado ainda nesta quarta-feira ao Ministério Público (MP) um pedido de mediação à greve. A alternativa, segundo Rosseto, foi a encontrada para obrigar o governo municipal a receber o comando de greve e dar inicio às negociações.

Protesto luminoso
A partir das 17h30 desta quarta-feira os grevistas irão se reunir em frente ao hipermercado Big na entrada da cidade para mais um protesto. A caminhada luminosa irá até a frente da prefeitura onde os grevistas mantem desde de segunda um piquete.

Protestos pela Avenida Getulio Vargas convocando servidores municipais e população para aderirem ao movimento estão sendo realizados desde a segunda-feira.

Fonte: O Alvoradense