Presidente do Sima, Rodinei Rosseto, relembrou campanha por redução de salários | Foto: Mariú Delanhese / OA

Caso o salário do mês não seja pago em 29 de janeiro, os servidores municipais devem realizar uma grande manifestação em uma segunda-feira, no dia 1º de fevereiro.

Durante assembleia geral realizada na manhã desta quarta-feira (20), na sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Alvorada (Sima), os municipários decidiram protocolar o não pagamento de salários. Essa é uma forma de pressão à Administração Municipal, entre outras ações que devem acontecer no primeiro dia de fevereiro.

Ainda durante a reunião, o presidente do Sima, Rodinei Rosseto, fez um relato da campanha de coleta de assinaturas iniciada em novembro, que pede a redução de salários dos vereadores. Rosseto solicitou a atenção de todos para o correto preenchimento das fichas.

“Muitas das assinaturas não poderão ser consideradas, pois faltam dados importantes como o CPF e nome da mãe”, salientou. Ele ainda sugeriu que na primeira sessão ordinária da Câmara de Vereadores, em março, os servidores se mobilizem e vão à Câmara exigir a extinção dos novos cargos criados no legislativo e pela redução dos salários.

Fonte: O Alvoradense