Andrés Sanchez deve marcar uma reunião com os principais clubes do país

Desde que Ricardo Teixeira saiu da presidência da CBF ainda nesta semana, os clubes de futebol andam planejando algumas estratégias para se darem bem e rechearem os bolsos. Alezandro Kalil, que é presidente do Atlético Mineiro conversou com Andrés Sanchez, diretor de seleções da CBF e ex-presidente do Corinthians, com o intuito de marcar uma reunião dos principais clubes do país na sede da confederação.

A idéia do Mineiro é que a CBF auxilie a cobrar da dona dos direitos de transmissão dos principais campeonatos, a Globo, um aumento nas cotas pagas pela transmissão da Copa do Brasil. Durante o mandato de Teixeira esses valores jamais foram reajustados. Porém, o atual Presidente da CBF, José Maria Marin, enfrenta uma barra ainda pior. Sem o auxílio de alguns comandantes de Estados como Rio Grande do Sul, Paraná e Bahia, que não querem um paulista no comando da entidade, Marin precisa adotar uma forma de criar aliança com os revoltosos.

Enfim, parece que o apelo do presidente do Galo deu certo e Andrés marcou a tal reunião para a próxima terça-feira.

 

Fonte: Laura Toscani