Ação foi gravada em vídeo | Foto: Reprodução / OA

Além da morte de um jovem no bairro Passo do Feijó, morador de um abrigo municipal, e da localização de uma cabeça no bairro Jardim Aparecida, outro crime brutal marcou a noite de terça-feira em Alvorada.

Um homem e um adolescente foram capturados por um grupo fortemente armado na casa onde residem, no bairro Jardim Algarve, e foram levados até Porto Alegre, onde foram mortos.

O alvo seria o homem, tio do adolescente. Os criminosos gravaram parte da ação. No vídeo é possível contar mais de 50 tiros desferidos contra a vítima, cuja identidade ainda não foi divulgada pela Polícia. O corpo dele foi deixado na rua Abelino Nicolau de Almeida, Vila Santa Rosa, no bairro Rubem Berta.

Já o corpo do adolescente, que não seria o alvo dos criminosos, foi deixado próximo ao parque Chico Mendes, no bairro Leopoldina, também na zona Norte da Capital. O jovem tinha 17 anos e jogava futebol no projeto social Arecuja. A direção do clube decretou sete dias de luto. “Infelizmente perdemos mais um jovem inocente. Isso não poderia ter acontecido!”, diz uma mensagem publicada nas redes sociais do clube. O jovem se preparava para fazer um teste no time de base da Chapecoense.

Fonte: O Alvoradense