Viaturas da Brigada Militar não saíram as ruas nesta segunda em Alvorada | Foto: Jonathas Costa
Viaturas da Brigada Militar não sairão mais as ruas nesta segunda em Alvorada | Foto: Jonathas Costa

Os brigadianos do 24° BPM de Alvorada iniciaram às 10h desta segunda-feira (31) a mobilização contra o parcelamento do salário dos servidores estaduais.

Ao longo da manhã as viaturas que mais cedo estavam nas ruas retornaram para o batalhão e por volta das 12h o pátio já estava lotado de veículos.

Os soldados também passaram a se reunir no batalhão e aguardaram uma reunião com o comandante do BPM, major Padilha, que chegou ao local pouco depois das 12h.

• ASSINE: Receba a edição impressa do jornal O Alvoradense em casa

Um protesto de servidores inativos da segurança e parentes dos policiais militares deve acontecer ainda nesta segunda em frente a sede do batalhão.

Em reunião ocorrida pouco antes das 14h, o comando do 24° BPM alertou os soldados sobre a impossibilidade da categoria realizar paralisação, o que seria considerado motim e passível de punição. A maioria dos soldados, então, retornou para as ruas e os que foram considerados “psicologicamente abalados” foram liberados.

Procurado, o comando do 24º BPM informou que deve se pronunciar às 15h.

Fonte: O Alvoradense