Foto: Divulgação / OA

Durante o mês de julho as ações sociais no município recebem o reforço do trabalho voluntário desenvolvido pelos membros do Ministério dos Jovens Adventistas de Alvorada.

Trata-se da Missão Calebe, um projeto desenvolvido em toda a América Latina pela Igreja Adventista do Sétimo Dia, onde os jovens em período de férias atuam junto às suas comunidades.

No Rio Grande do Sul esta é a 10ª edição do programa com o propósito de desenvolver a prática e fortalecer o conceito do voluntariado, através de ações solidárias que sanem necessidades materiais ou emocionais das pessoas.

“Que o voluntariado seja uma marca para uma geração que compreenda que, assim, possamos alcançar uma sociedade melhor”, declara Carlos Eduardo Pereira Nunes, coordenador distrital da região Central, que conta ainda com os Distritos Algarve e Americana, em um total de três em Alvorada.

Ele explica que no verão as ações são mais inpactantes, como chamado “Calebe confinado”, quando os jovens acampam em uma instituição local e atuam diretamente na comunidade, com a limpeza de espaços públicos, pintura de escolas e igrejas, além da realização de palestras sobre relacionamento familiar, educação, adolescência… atendendo as necessidade das famílias de uma forma mais elaborada, inclusive com o uso de recursos da instituição Adventista.

Já nas férias de julho, não há confinamento e as ações são semanais, mas sempre com o objetivo da “comunidade perceber a presença dos Calebes”

Contudo este ano, com a pandemia, as ações mudaram devido aos cuidados necessários de isolamento social. Ainda assim, no verão, os grupo de Alvorada desenvolveu um trabalho mais interno, com jovens que já participaram de missões ou tiveram contato anteriores.

E agora, neste mês de julho, o foco está no auxílio às vítimas da pandemia, que sofrem com o desemprego ou perda de renda, ou ainda as atingidas pelas recentes cheias.

Foram programadas quatro ações concretas: iniciando com a doação de sangue, realizada na última semana; assistência social com distribuição de alimentos e agasalhos; homenagem profissionais área da saúde, segurança e professores e no último final de semana, ações de esperança e incentivo, com motivação às pessoas.

Participam cerca de 30 jovens alvoradenses que atuam através de gestos de amor, por acreditarem que o amor é fundamental para desenvolver qualquer atividade.