A partir desta terça-feira bancários Alvorada podem entrar em greve por tempo indeterminado, conforme a posição nacional da categoria. A paralisação inclui tanto bancos públicos quanto privados. Com isso, clientes de bancos que pretendem ir a uma agência bancária poderão encontrar funcionando apenas os caixas eletrônicos, embora acredita-se que, em geral, no primeiro dia de greve, a adesão dos trabalhadores ainda não seja muito grande.

Os bancários reivindicam reajuste salarial de 10,25%, com 5% de aumento real, além de plano de cargos, carreira e salários, maior participação nos lucros e resultados (PLR) e mais segurança nas agências. A proposta oferecida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) foi 6% de reajuste salarial.

A federação alertou a população de que muitas das operações bancárias poderão ser realizadas por meio dos caixas eletrônicos, internet banking, telefone e correspondentes bancários, tais como casas lotéricas, agências dos Correios e outros estabelecimentos credenciados.

Ano passado, a greve da categoria durou 21 dias.

Fonte: O Alvoradense