Situação dos bairros que ja era ruim na segunda-feira ficou ainda pior | Foto: Samuel Silveira / OA
Situação dos bairros que ja era ruim na segunda-feira ficou ainda pior | Foto: Samuel Silveira / OA

Já chega a 50 o numero de pessoas desalojadas (abrigadas em casas de amigos e parentes) devido as cheias em Alvorada. A informação foi divulgada esta manhã pela Prefeitura Municipal e secretarias de governo.

Segundo a prefeitura, até o momento não há desabrigados nas estruturas públicas preparadas para receber as famílias, mas a Defesa Civil estadual tem atuado na cidade tentando auxiliar as famílias das regiões mais atingidas.

Na tentativa de amenizar a situação dos moradores do Bairro Americana a prefeitura se reuniu na tarde de ontem (26) com um grupo de representantes da Corsan para dar inicio ao uso de equipamento para fazer o bombeamento da água para o canal próximo a Fiergs.

A ação deve ser realizada em parceria com o DEP (Departamento de Esgotos Pluviais de Porto Alegre), com técnicos da SMOV de Alvorada e liderados pela secretaria Rosane Coimbra da Corsan.

Segundo a Prefeitura, o proprietário das terras onde ficam instaladas as comportas de contenção próximas a Avenida Assis Brasil se prontificou, em reunião,  em colaborar sem a necessidade de medidas judiciais.

Acredita-se que a medida deva não só amenizar a situação dos bairros atingidos pela cheia em Alvorada, mas também beneficiar os moradores de Gravataí e, outras cidades da Região Metropolitana, que tiveram suas casas invadidas pela água nos últimos dias.

Moradores do Bairro Americana sofrem com as enchentes todos os anos | Foto: Samuel Silveira / OA
Moradores do Bairro Americana sofrem com as enchentes todos os anos | Foto: Samuel Silveira / OA

Fonte: O Alvoradense