Desembagador esteve em Alvorada pela manhã / Foto: Jonathas Costa / OA

No final da manhã esteve na Escola Estadual Salgado Filho, no centro da cidade, o desembargador do Tribunal de Justiça do Estado, Carlos Cini Marchionatti, conferindo o andamento das eleições no município. Antes de Alvorada, Marchionatti esteve em Caxias e avaliou como positiva a experiência da biometria nas cidades onde foi realizado o recadastramento. “A identificação é imediata na grande maioria dos casos e está indo tudo muito bem”, avaliou.

A biometria alcançou 40% dos eleitores gaúchos, faltando apenas 11 municípios a serem incluídos no novo sistema, entre eles Porto Alegre.

Para o desembargador, o sucesso do recadastramento biométrico se dá, não só à qualificação dos funcionários da Justiça Eleitoral, como também ao apoio da imprensa, citando Alvorada com exemplo de integração e sucesso.

Marchionatti avalia que o sistema eletrônico não é aplicado em outros países pelo custo e número de pessoas envolvidas em sua plena atuação. Só no Estado são 32 mil urnas e 8,3 milhões de eleitores.

Quanto aos pedidos de impugnação de candidaturas, revelou que dos 700 encaminhados a avaliação, cerca de 500 já foram julgados e os demais devem ser concluídos ao longo do mês de outubro.

Fonte: Mariú Delanhese / O Alvoradense