PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 17.05.13: Aula do Núcleo Estadual de Educação para Jovens e Adultos (Neeja) no Presídio Central de Porto Alegre. Foto: Claudio Fachel/Palácio Piratini

As provas do Enem Prisional serão realizadas nos dias 3 e 4 de dezembro em todo o país. O Rio Grande do Sul tem 1.651 presos inscritos em 71 casas prisionais.

O número supera os da edição do ano anterior, quando 1.512 detentos realizaram os testes em 60 unidades prisionais.

A diretora do Departamento de Tratamento Penal da Superintendência dos Serviços Penitenciários, Sandra Fonseca, explica que o interesse dos apenados pela realização do Enem tem se acentuado nos últimos anos. Segundo ela, o trabalho promovido pelos técnicos do DTP e de todas as regiões penitenciárias foi fundamental para o incentivo aos detentos.

Sandra garante que a maioria dos que ingressam nos presídios normalmente não têm acesso à educação e ao trabalho. Entre as principais atribuições do DTP, estão proporcionar que os presos, ao saírem das cadeias, tenham uma situação mais favorável. O objetivo é assegurar a certificação do Ensino Médio, pelo Enem, para que possam cursar faculdade quando deixarem os presídios.

Fonte: O Alvoradense