Assembleia ocorreu na sede do sindicato | Foto: Mariú Delanhese / O Alvoradense

Um dia depois de ocupar o prédio da Prefeitura e exigir um encontro com o prefeito Professor Serginho para tratar do atraso do pagamento dos salários de dezembro, férias e benefícios, os servidores municipais decidiram em assembleia os próximos passos da categoria.

Como não houve, por parte do governo durante reunião no fim do dia, garantia de pagamento integral do salário de janeiro no dia 29, os servidores decidiram paralisar as atividades a partir de 1º de fevereiro.

Também foi aprovado a exigência de um calendário de pagamento, por parte da Prefeitura, dos salários dos próximos meses.

Os servidores vão eleger representantes que deverão repassar informações do sindicato para os colegas de trabalho. Uma nova assembleia foi chamada para o dia 20, às 9h.

Fonte: Mariú Delanhese