Cunha tem até quinta-feira para se defender na CCJ do processo de cassação | Foto: Agência Brasil / OA

O processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) tornará a ser pauta na Câmara dos Deputados na próxima quinta-feira (17). O presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirma que estenderá a sessão pelo tempo necessário para a escolha de uma comissão especial.

Cunha ainda admitiu um clima de obstrução na Câmara, tanto da base governista quanto da oposição. Deste modo, nesta semana não devem ter as votações mais importantes do momento. Na próxima terça-feira (15), o peemedebista acredita que entra em pauta o projeto que suspende a regra de cálculo das dívidas dos Estados e municípios.

Fonte: O Alvoradense