Miguel Ângelo foi exonerado da secretaria municipal de Serviços Urbanos na manhã desta terça-feira (23) pelo prefeito Professor Serginho, um dia após ser preso em flagrante acusado de receptação de veículo roubado. Ângelo esteve na prefeitura nesta manhã onde se reuniu com o prefeito e reiterou que não sabia que o carro era clonado.

Em entrevista a’O Alvoradense, Serginho se disse surpreso com as acusações e informou que sobre sobre a prisão do secretário pela imprensa. “Por não estar envolvida nenhuma estrutura da prefeitura, porque é algo particular do secretário, decidi exonerá-lo para que ele possa se defender tranquilamente”, esclareceu o prefeito.

No lugar de Ângelo, que era uma indicação do PSB, ficará o secretário-adjunto da pastas, Roberto Guedes. Segundo Serginho, a substituição ainda será debatida, mas tem caráter definitivo. “Ele [Miguel Ângelo] já está fora do quadro da prefeitura. Vamos discutir e decidirei brevemente, mas quem fica no momento é o Roberto Teles”, afirmou.

Com a saída de Ângelo, o PSB, que já chegou a ter indicações para o comando das secretarias municipais, ficará sem nenhuma. “Acho que a relação com o PSB está muito tranquila. Estamos discutindo, inclusive, ponto a ponto cada mudança que fazemos na política”, garantiu Serginho, que disse já ter entrado com contato com o vice-prefeito Arlindo Slayfer e o vereador Reginaldo Rocha, ambos do PSB municipal.

Fonte: O Alvoradense